195523345839500
 

Obstinações, teimosias e outras distrações nos Projetos!


Cá entre nós, tomara que todo mundo nos escute, o sucesso de um Projeto é um desafio e tanto!


E todo desafio demanda uma dose comportamental acima da média.


Chamamos esse viés comportamental (habilidades) de soft skills em Gerenciamento de Projetos.


Sim, é mais uma dessas expressões fortes que precisam ser assimiladas.


Elas endereçam para a atitude e capacidade de realização de cada um ou até mesmo a habilidade de superar adversidades e renovar -se e manter-se focado todo santo dia (resiliência).


Inteligência emocional a favor do gereciamento de projeto e você bem sabe, que sem uma dose de obstinação e teimosia nós não realizamos as entregas do Projeto.


Ops...Só que não é bem assim!


Há uma leve e quase uma imperceptível diferença entre ser obstinado e ser teimoso.


Em algum lugar do Projeto precisaremos das duas qualidades (ou você chamaria de defeitos?).


A palavra Obstinação (do latim Osbtinatione) remete a perseverança e firmeza.


Interessante, precisamos ser perseverantes a fim de promover mudanças através de Projetos. A firmeza de propósito agrega valor e impacta positivamente a execução de uma entrega mais crítica. Em outras palavras devemos acreditar, trabalhar por onde e não fraquejar!


Por outro lado, a palavra teimosia (do grego Théma) remete a pertinácia exagerada.


Veja você! Afinal, qual é o limite da nossa obstinação? Estamos de fato atentos para sermos menos exacerbados a fim de evitar o rompimento ou a interrupção dos relacionamentos interpessoais durante a execução de Projeto? A teimosia cega cria barreiras onde na verdade poderíamos flexibilizar e construir relacionamentos a partir da facilitação do trabalho do Projeto.


Porém, caso a nossa atitude seja incapaz, de maneira obstinada ou teimosa, de atingir o objetivo do Projeto, ainda temos como última opção a inspiração poética de Paulo Leminski:


"Distraídos venceremos!"


Quem atua na execução de um Projeto (com caráter naturalmente multidisciplinar) necessita ter habilidades (softs skills) para equilibrar os conflitos, mas também precisa ser um estrategista estudioso !


A estratégia revelará qual das habilidades poderá ser a mais indicada, dentre elas a obstinação, a teimosia e para não dizer a distração de vencer.


Um olhar diferenciado e até mesmo poético sobre os desafios do Projeto pode ser mais efetivo e contudente do que a teimosia para nos conduzir para o sucesso - para muito além do senso comum.


Fonte: Phins* Projetos (www.phins.com.br)


Posts Em Destaque